REPÓRTER NA RUA - Assaltantes fazem novo roubo e levam quase meio milhão em eletrônicos da Casas Bahia.


Assaltantes fazem novo roubo e levam quase meio milhão em eletrônicos da Casas Bahia.

10/08/2017 - 11:30:42
Por: REPÓRTER NA RUA

Foi quase uma hora de pânico até que os reféns foram libertados pela Polícia Militar. Criminosos fugiram levando quase meio milhão em produtos eletrônicos, segundo informações extraoficiais.

 

Uma quadrilha formada por cinco assaltantes invadiu uma loja da rede Casas Bahia, localizada na Avenida Tiradentes, em Santa Cruz do Rio Pardo, por volta das 17h50 da quarta-feira (09). Conforme acompanhou o REPÓRTER NA RUA, os criminosos chegaram friamente até o local e se passaram por clientes. Eles fingiam ter interesses em comprar alguns produtos, quando já se aproximando das 18h, resolveram anunciar o assalto. Dois homens, armados com revólver e pistola, renderam todos os funcionários e fizeram com que um deles abaixasse as portas da loja. "Antes de nos amarrar, eles diziam que se alguém tentasse alguma coisa iria morrer. Eles também disseram que havia outros três no estacionamento e do lado de fora da loja, armados com fuzis", contou um dos funcionários que foi feito refém pelo bando. Segundo consta em BOPM, os funcionários foram levados para o piso superior da loja e amarrados dentro de uma sala. Um dos colaboradores da rede, que é responsável pelo estoque da loja, foi pego e obrigado a abrir o acesso principal ao estoque, onde havia milhares de produtos eletrônicos. "Levaram quase todos os celulares e notebooks que estavam no estoque; o prejuízo é enorme. Tinha iPhone, notebooks da Apple, Samsung e outros", disse o gerente em depoimento a Polícia. Ainda no boletim de ocorrência consta que por volta das 19h10min a Polícia Militar foi acionado via COPOM 190 para atender um assalto em andamento pela Loja da Casas Bahia e, que o solicitante informou na ligação de emergência que realmente teria visto homens armados com fuzil, do lado externo do estabelecimento. Com muita cautela, várias equipes foram direcionados ao local e fizeram o cerco na loja. "O portão do estacionamento estava aberto. Fizemos uma incursão, sempre com muita cautela, até que chegamos no piso superior. Lá encontramos o gerente e ele disse que os bandidos teriam acabado de fugir", contou um dos PMs que atendeu a ocorrência. Com auxílio dos demais Policiais, todos os funcionários foram libertados; uma funcionária que está grávida ficou em estado de choque, mas recusou atendimento médico. O interior da agência foi periciado pela Polícia Científica, em busca de digitais e demais provas que possam ajudar na identificação dos assaltantes. A Polícia Civil irá abrir um inquérito para investigar o crime.

 

Buscas:

A Polícia Militar de toda região, inclusive do Paraná, fizeram buscas durante toda a noite, na tentativa de prender os criminosos, mas até o momento ninguém foi identificado ou detido.

 

Reforço?

A onda de crimes que vem acontecendo em Santa Cruz do Rio Pardo está aterrorizando a população. O índice de assaltos subiu muito nos últimos meses e nenhuma autoridade competente (político) está tomando providências para resolver esta situação. Ao que tudo indica, os criminosos estão se sentindo a vontade para agir em Santa Cruz do Rio Pardo e, a culpa não é da Polícia Militar, já que o pouco efetivo (cerca de 6 polícias por turno) destinado pelo Governo do Estado para cuidar de quase 50 mil pessoas, se esforçam diuturnamente para combater o crime e deixar a cidade em paz. Por exemplo, uma informação apurada pelo Repórter na Rua mostra que a Polícia Militar de Santa Cruz do Rio Pardo está esquecida pelo comando geral e pelo Governo PSDB. Sem receber viaturas há vários anos, quase todas que aqui trabalhavam tiveram que ser baixadas (devolvidas ao batalhão) por estarem em situação precária de uso. Por incrível que pareça, sem viaturas adequadas para trabalhar, os policiais estão usando uma base móvel (furgão da PM) para se locomover e realizar as escalas extras. Pelo que foi apurado pelo RNR, apenas 4 viaturas estão disponíveis para rodar em Santa Cruz, sendo a Pálio Wekend I-31211, Renault Duster I-31212, Parati I-31217 (com mais de 5 anos de uso), é uma viatura SpaceFox I-31222 que é usada pela equipe de escolta do presídio de Bernardino de Campos.

 

Cadê os DEPUTADOS da região!

Sem um político para representar Santa Cruz do Rio Pardo e muito menos a Polícia Militar na região, precisamos rever nossos conceitos e saber eleger novos representantes nas futuras eleições. Nada disso estaria acontecendo se autoridades competentes, como: vereadores, prefeito e deputados, estivessem cobrando providências do Governo do Estado.

 

As eleições estão chegando e nós estamos de olho! 

 

Parceiros

.

2010 - 2014 - Repórter Na Rua. Todos os direitos reservados