REPÓRTER NA RUA - Porque devemos defender a Eletrobras.


Porque devemos defender a Eletrobras.

01/11/2017 - 20:38:58
Por: assessoria

Não aceitar a venda da Eletrobras é uma demonstração de patriotismo, compromisso com o Brasil e manutenção da soberania nacional.

Desde que o ilegítimo presidente Michel Temer cuspiu sobre a bandeira da Democracia ao assumir o cargo mais importante do Brasil, iniciou-se no país uma terrível agenda de retirada de direitos trabalhistas e de ataques ao patrimônio do povo. O salafrário assumiu a agenda neoliberal de entrega do bem público!!!

Com pouco tempo de vida pela frente, o presidente golpista força medidas para fortalecer a pátria alheia e engordar o bolso de seus amigos empresários, com os projetos de privatização no setor energético, nas companhias de água, no correio, no transporte público e em outros serviços essenciais. A vida do povo se tornará muito mais difícil.

Em nosso entendimento, defender o patrimônio público é obrigação dos políticos que representam, de fato, a sociedade, e de todo cidadão de bem. Todos os caminhos nos levam a crer numa só verdade: no Brasil, privatização é sinônimo de corrupção! Temos uma gangue instalada, disposta a trocar favores com o capital especulativo, entregando empresas de valor inestimável, como as subsidiárias do grupo Eletrobras.

Agora é guerra! O trabalhador que luta contra a privatização da Eletrobras vai além de defender a sua garantia de emprego, colocando um escudo também sobre sua missão mais nobre, que é levar energia ao povo brasileiro.

Não aceitar a venda da Eletrobras é uma demonstração de patriotismo, compromisso com o Brasil e manutenção da soberania nacional, que hoje sangra entre negociatas com caudilhos de outras bandeiras.

A FENATEMA (Federação Nacional dos Trabalhadores em Energia, Água e Meio Ambiente) e os sindicatos filiados estão à disposição da sociedade brasileira para organizar a luta e resistir contra a desnacionalização das empresas brasileiras, neste momento, especificamente, contra o projeto de entrega da Eletrobras, o maior grupo do setor energético da América Latina.

No site da Fenatema (www.fenatema.org.br), você encontrará dados técnicos e econômicos, além de documentos de denúncia sobre a empresa de energia que está no alvo dos vendilhões do Estado Brasileiro. Também explicaremos um pouco sobre a relevância do 1º Encontro Nacional de Sindicalistas Contra a Privatização do Sistema Eletrobras, realizado nos dias 19 e 20 de outubro de 2017.

O Brasil não está à venda!

Privatização Não!

Eduardo Annunciato РChic̣o

Presidente da FENATEMA e Sindicato dos Eletricitários de São Paulo

 

Parceiros

.

2010 - 2014 - Repórter Na Rua. Todos os direitos reservados